Escritores Da Liberdade

escritores-da-liberdade.jpg

A atriz Hilary Swank, duas vezes premiada com o Oscar, interpreta Erin Gruwell, também chamada professora G pelos seus alunos da sala 203, de uma instituição de ensino médio em Long Bech, Estados Unidos. Trata-se do filme “Escritores da Liberdade”:

Gênero: Drama
Duração: 123 min
Origem: Alemanha – EUA
Estréia – EUA: 05 de Janeiro de 2007
Estúdio: Paramount Pictures
Direção: Richard LaGravenese
Roteiro: Richard LaGravenese
Produção: Michael Shamberg, Stacey Sher, Danny DeVito

A história da professora G e seus alunos e alunas tidos como delinqüentes e desprovidos de inteligência, toma um rumo extraordinário quando a professora passa o Diário de Anne Frank para seus alunos lerem.

Isto porque vê semelhanças entre a perseguição aos judeus e os desclassificados jovens adolescentes, imigrantes americanos. Um verdadeiro caldeirão multi cultural, onde o que manda é a lei das gangues.

E no meio de tanta violência, desigualdade e desprestigio, a professora G lança o olhar para as experiências daqueles jovens, motivando-os a ler e escrever sobre suas vidas. Da escrita emerge solidariedade, tolerância, simpatia, valores um tanto quanto esquecidos até pela direção da escola.

É um filme que mergulha em certas questões sociais e educacionais, mostrando imperfeições do sistema educacional americano, cheio de regras e normas, bem como a luta de uma professora por uma causa quase morta: a melhoria/qualidade da educação em todos os níveis sociais.

A professora se doa incondicionalmente ao seu fazer, não como uma ação assistencialista, mas como uma professora aprendiz. Alguém que se dispõe a ensinar e aprender sobre mundos completamente diferentes do que ela vive.

Fica aqui uma questão: uma pessoa pode fazer a diferença? Você conhece outros casos assim?

Deixe o seu comentário!
——————————————————-


Google

Digite os termos da sua pesquisa

Enviar formulário de pesquisa

 

Web

http://www.soprando.net

About these ads
Esse post foi publicado em Cinema, educação, escritores da liberdade, sociedade educativa. Bookmark o link permanente.

175 respostas para Escritores Da Liberdade

  1. Aline disse:

    “Acredito que os profissionais na área de educação têm deixado muito a desejar. Imagine se todos os professores seguissem o modelo da professora G, o quanto a educação do nosso país seria melhor! Para trabalhar na educação é preciso gostar do que faz e se dedicar inteiramente com o trabalho é isso que faz a diferença. Pois só assim teremos melhores professores na educação e como conseqüência teremos alunos bem educados e com certeza um país mais desenvolvido. Com o filme pudemos perceber que as palavras tem o poder de mudar as pessoas e que a educação, o conhecimento e a cultura são as bases para que se faça a diferença. Portanto, é de fundamental importância a relação professor -aluno, pois o professor não representa apenas o papel de educador, mas de aprendiz. Alguém que se dispõe a ensinar e aprender sobre mundos completamente diferentes do que se vive ,aonde, aos poucos, vão se reconstruindo: consciência, respeito, humanização e a peça chave – a dignidade. O professor precisa viver a realidade dos seus alunos para poder atingir os objetivos na arte de educar.”

  2. leticia passos disse:

    ‘Um um filme que realmente fez valer a pena 123 min do meu tempo” se a os proficionais da educaçao se baseasse nesse filme acho que teria mais alunos nas escolas do que na rua.A como o filme relata um professor,um filme e uma pessoa pode fazer uma emorne difereça na vida de um jovem que e excluido da sociedade. :D

  3. leticia passos disse:

    ‘Um um filme que realmente fez valer a pena 123 min do meu tempo” se a os proficionais da educaçao se baseasse nesse filme acho que teria mais alunos nas escolas do que na rua.E como o filme relata uma PROFESSORA que quer fazer uma difereça na vida de jovens que sao excluidos da sociedade,a professora mostra que todos os alunos sao iguais indepedente da sua cor, e da sua nacionalidade.

  4. roberta maria disse:

    achei muito legal,pois mudou minha vida.Em algumas das minha atitudes me indentifico com o filme,e com isso eu posso fazer a diferença

  5. ADRICIA disse:

    O MELHOR FILME DE TODOS

  6. Jéssica Raphaella Roque Barbosa disse:

    Um filme maravilhoso, que mostra a interação professor/ aluno. Muito importante para mostrar o quanto um professor pode mudar a historia dos alunos. Quando ninguém mais creditava neles a professora Erin, mostrou que com empenho, dedicação, didática e metodologias dinâmicas pode-se conquistar a confiança, instigar os alunos a se interessarem por leituras e etc.

  7. Maria do Carmo - FACIMED disse:

    O Filme escritores da liberdade faz a sua dierença.
    O flime projeta uma mensagem motivadora para os docentes.A professora confiava nos alunos e nos seus sonhos x os sonhos dos alunos.
    Os desafios que enfrentou foram grande porém o ideal foi bem mais forte

  8. João lopes - FACIMED outubro 2011 disse:

    Gostei muito do filme, pois é de grande relevância para nossos dias, por mais que as situações politicas, físicas e financeiras não contribuam para o trabalho do profissional em educação, mas a visão de quem vê no futuro uma educação melhor e transformadora começa com gestos simples e confiante.

  9. Eligiane Gomes Verneque - FACIMED - Psicologia disse:

    Este filme representa nitidamente, uma grande realidade que acontece no nosso cotidiano nas escolas. Infelizmente não e todos os professores, que se dedicam para mudar esta realidade, apenas reclamam, mas não tem iniciativa como a professora Erin, que acreditou nos seus alunos, e apostou na suas capacidade, levando em consideração as características e a realidade de seus alunos. Não se preocupando somente com o conteúdo, mas educando para viver em sociedade.

  10. julia disse:

    foi ótimo o filme gostei bas tante mas tive pena dos alunos cada umatinha uma história diferente

  11. camilla disse:

    gostei muito do filme os escritores da liberdade,esse filme mostra que devemos respeitar uns aos outros,não importa se somos negros ou brancos.esse filme mostrou aos alunos da senhora G oque é o amor,a honestidade,o carinho e acima de tudo o respeito,em fim nós mostrou a realidade do que é a vida.

  12. Francisco Marcelo Tavares disse:

    Como precisamos de professores assim hoje. Como precisamos de profissionais com esta visão amor e dedicação?

  13. leonardo disse:

    gostei muito do filme hoje emdia precisamos de professores qualificados que peguem no pé dos alunos para aprender mesmo.

  14. isaque disse:

    amei o filme nos mostra a realidade deste mundo , a desigualdade social,e para acreditar que isso e verdade , tem pessoas morrendo no mundo das drogas , e eles conseguiram vencer ,eles cervem de exemplo

  15. raphael de oliveira disse:

    mano quem falo que não gosto não tem sentimento isso mostra a vida de alguns jovens que vivem em periferias,e tem mais esse filme mostra que você consequi superar tudo o que você passa.

    esse é filme muito bom se tiver o livro vou compra e ler e recomendaria para todos.

    abraço a todos que gostaram do filme que vcs são uns dos meus.

    flw. :D

  16. Esse filme é muito bom,ele estreou em janeiro de 2007,só vi ontem,pasosu na de madrugada na Globo muito bom esse filme.

  17. marta disse:

    Esse filme é fantástico,muito rico em detalhes,muito verdadeiro.
    Que pena ele foi estreado em 2007 pelo que vi nós email acima ,e ontem a globo exibiu na madruga um filme tão bom,sem cena provocantes eu só ão sei porque não passa um filme dessse nível mais cedo á tarde.
    Esse filme demostra que niguém faz nada sozinho,que somos coordependente um dos outros,e que nehum preconceito tem fundamento.E que nós dias de hoje ainda ah um preconceito velado,que no fumdo alguns tem mais não que fala mais demonstra em sua atitude,e o mais importante e que devemos para para analisar,não os outros mais a si mesmos,senão estamos com atitude de preconceito velados em nós mesmos.
    Poxa hj foi a primeira coisa que eu coloquei no faceb sober esse filme e incentivei que os outros também assistisse.
    Hoje encontrei com 2 amigos eles me chamaram pra sentar com eles,em um bar eu falei que não que precisa ir só na escola assina a rematricula e volta para ir á igreja e me falou que eu estava sedo preconceituosa eu falei para ele que não dava eu já tinha marcado outro compromisso,e falei eu não sou preconceituosa,você tem que assistir o filme Escritores da Liberdade ele virou par mim suprendentemente com muito entusiasmo e falou eu assistir esse filme ontem de madrugada muito Bom,muito Bom mesmo eu já passamos par um outro colega nosso que estava com ele,colega de escola que o filme era muito bom ele tinha que assistir.
    Ele me falou que existi alguma coisa no ESTADO UNIDOS não sei é uma ong igual nós chamamos no Brasil,mais gostaria de saber e como lel fazem realmente que são eles.
    Esse filme é um aprendizado de vida.

  18. vitor e otavio disse:

    nos gostamos muito do filme.isso fez a gente aprender que podemos aprender cada dia mais com nossos professores

  19. gabriela disse:

    amei esse filme………….

  20. barbara disse:

    Assisti,adorei e recomendo todos a assistirm esse filme, ele mostra a realidade nas escolas,não só no EUA mas em todas principalmente no Brasil… Se alguns professores tivessem a mesma determinação e a garra da professora G tenho certeza que o ensino seria bem melhor..

  21. Cicero disse:

    Nossa esse filme é muito bom adorei a liçao que ele da para as pessoas muitas pessoas hj em dia tem muito preconceito pela cor ou pela aparencia!
    Olhei esse filme com a minha turma nós todos gostamo muito, esse filme mecheu muito com agente.

  22. Esse filme é comovente demais e passa uma lição de conscientização de um todo para nos professores mediadores demonstrando assim, o processo do ensino aprendizagem ,as metas e regras pelo qual o educador dedicado deve seguir para transformar os inúmeros jovens e adolescentes com problemas sociais mal resolvidos pelo os próprios conflitos são manifestados dentro de seus próprios lares. Erin demonstra seu talento, habilidades, habilidades, acima de tudo o amor pelo que faz com sua profissão devemos seguir e tomar como exemplo e lição esse gesto de respeito ao que se diz transmitir conhecimento com amor e dignidade, mesmos sabendo que não somos provida de remuneração justa mas, o que vale mesmo é transformar essa juventude com novos métodos e ensinar a ser críticos e pensantes segundo, diz Ruben Alves e Lori Malaguzzi .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s